Lidiane é condenada por improbidade e Beto Rocha incluído na lista suja do trabalho escravo

O ex-casal Beto Rocha e Lidiane Leite (foto) receberam, esta semana, notícias nada agradáveis.

Conhecida como “prefeita ostentação”, Lidiane foi condenada por atos de improbidade administrativa cometidos quando comandou o município de Bom Jardim. Ela foi afastada da prefeitura ano passado pela Justiça acusada dos crimes de fraude licitatória e associação criminosa.

A ação, cuja sentença foi assinada pelo juiz Raphael Leite Guedes, titular da comarca de Bom Jardim, diz respeito os inúmeros descontos injustificados na remuneração mensal dos servidores do magistério do ensino público do município durante o governo da ex-prefeita.

Lidiane Leite, segundo o magistrado, violou o disposto no art. 11, da Lei de Improbidade Administrativa, na medida em que praticou ato contra expresso comando legal e em prejuízo de inúmeros professores que restaram prejudicados com suas obrigações mensais ao ter reduzido, diga-se, unilateralmente e sem qualquer comprovação, os valores mensais que auferiam regularmente

Preso, em 2015, acusado de integrar um esquema de desvio de verba da merenda escolar da prefeitura de Bom Jardim, que teria lesado os cofres públicos em mais de R$ 15 milhões, Beto Rocha teve o seu nome relacionado em mais uma edição da “Lista de Transparência sobre Trabalho Escravo Contemporâneo”, também chamada de “Lista Suja do Trabalho Escravo”. – veja aqui.

4 pensou em “Lidiane é condenada por improbidade e Beto Rocha incluído na lista suja do trabalho escravo

  1. Pingback: Lidiane Leite é acusada de fraudar licitação para compra de fardamento escolar | Blog do Gláucio Ericeira

  2. Pingback: Lidiane Leite e Beto Rocha são acusados de fraudar licitação para compra de caixões - Blog do Gláucio Ericeira

  3. Pingback: Bom Jardim: Lidiane Leite é novamente condenada pela Justiça - Blog do Gláucio Ericeira

  4. Pingback: Ex-prefeita de Bom Jardim Lidiane Leite é novamente condenada pela Justiça – Blog do Pablo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.