Marcial Lima defende força-tarefa para combater assaltos nas BRs que cortam o Maranhão

Pessoal, um abraço!! Nestas férias de julho, fiz mais uma viagem de onibus entre São Luís e Grajaú, novamente pude ver o drama de muita gente que precisa passar no trecho de quase 23 quilômetros da reserva Cana Brava, BR-226(Barra do Corda, Jenipapo Vieiras e Grajaú). Preocupação real de todos que passam neste trecho, quem me acompanha no Rádio( programa: Acorda, Maranhão), sabe que sempre tratamos deste tema, como filho da região e como profissional de imprensa que divulga muitas ocorrências deste local, entendo que este problema já deveria ter sido resolvido, basta querer..

Posted by Marcial Lima II on Friday, July 20, 2018

Em viagem de ônibus entre São Luís e Grajaú, o vereador de São Luís e pré-candidato a deputado estadual, Marcial Lima (PRTB), disse ter testemunhado o drama de muita gente que precisa passar no trecho de quase 23 quilômetros da reserva indígena Cana Brava, na BR-226, entre Barra do Corda, Jenipapo dos Vieiras e Grajaú.

Marcial Lima alertou para o elevado número de assaltos na rodovia, que ele diz ser um problema histórico.

Ele defendeu uma força-tarefa dos órgãos de segurança para combater os sucessivos crimes registrados na BR-226. Informou, ainda, que o fluxo de caminhões na estrada reduziu significativamente, justamente por causa dos assaltos, praticados a mão armada.

“Preocupação real de todos que passam neste trecho. Quem me acompanha no rádio (programa Acorda, Maranhão, na Rádio Mirante AM), sabe que sempre tratamos deste tema. Como filho da região e como profissional de imprensa que divulga muitas ocorrências deste local, entendo que este problema já deveria ter sido resolvido, basta querer”, salientou. .

PT adia encontro estadual e volta a pressionar Flávio Dino

A executiva nacional do Partido dos Trabalhadores transferiu para o dia 02 de agosto encontros regionais em sete estados, dentre eles o Maranhão, nos quais serão definidas a participação da sigla no pleito majoritário.

Em terras maranhenses, o encontro estava marcado para acontecer no próximo dia 27, 24 horas antes da convenção conjunta de 15 legendas que homologará a reeleição do governador Flávio Dino (PC do B).

Com a decisão da nacional, representantes do partido podem até participar do ato em favor do comunista.

Porém, o farão sem a chancela necessária do encontro de tática eleitoral.

Correntes do partido ainda lutam para indicar um nome para compor a chapa majoritária do governador, seja na condição de candidato ao Senado, seja para o cargo de vice-governador.

O PT tem como pré-candidatos à Câmara Alta o ex-secretário estadual de Esporte e Lazer, Márcio Jardim, e Adriana da CUT.

Na outra ponta, o sindicalista Aníbal Lins continua sustentando o projeto de disputar o governo.

Flávio Dino, por sua vez, pretende ratificar a sua chapa com a seguinte formação: Carlos Brandão (PRB) permanecendo como candidato a vice-governador; e os deputados federais Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (PPS) como candidatos ao Senado.

Genilson Alves lança pré-candidatura a federal neste sábado em São Mateus

Um dos quadro mais qualificados do PT no Maranhão, o advogado Genilson Alves escolheu a sua terra natal, o município de São Mateus, para lançar a sua pré-candidatura ao cargo de deputado federal.

O evento será realizado amanhã a tarde, no Espaço Vip, e reunirá amigos e apoiadores do petista, em especial os que residem na região do Médio Mearim.

Ex-candidato a prefeito na cidade, Genilson é graduado em Comunicação Social, habilitação Jornalismo, e Direito pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA); além de ser servidor concursado do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE/MA).

Ele defende a aliança em torno da reeleição do governador Flávio Dino (PC do B); além, claro, da candidatura do ex-presidente Lula ao Palácio do Planalto.

Abaixo, leia o chamamento feito pelo petista.

“Companheiro (a), estou lançando minha pré-candidatura a Deputado Federal neste Sábado, às 17h, no Espaço VIP, em São Mateus. Um desafio que aceitei na perspectiva de levantar o debate sobre o atual momento de retrocessos porque passa o país, com a flexibilização dos direitos trabalhistas, a relativização da democracia e o empobrecimento das camadas populares. Como advogado me sinto na obrigação de defender a Constituição e os direitos fundamentais, na certeza de que assim atenderemos os anseios da maioria do nosso povo. Acredito ainda que a política é o espaço adequado de combater as más práticas, o ódio e a intolerância, a retirada de direitos e construir a luta pela igualdade, a fraternidade e os interesses da coletividade. Porque acredito na luta do povo estou mais uma vez na luta por justiça. Conte com nossa luta”.

Roseana e Ricardo cancelam evento político em Coroatá

A ex-governadora Roseana Sarney (MDB) e o ex-secretário Ricardo Murad (PRP) gravaram vídeo no qual anunciaram o cancelamento de um ato político, que seria realizado neste sábado (21), para lançamento de suas pré-candidaturas ao governo e a cargo de deputado federal, respectivamente.

O evento, que serviria também para lançar a pré-candidatura da deputada estadual Andréa Murad (PRP) à reeleição, aconteceria em Coroatá, cidade que já foi administrada pelo ex-secretário e por sua mulher, Teresa Murad.

Os políticos justificaram a medida afirmando que, ao invés de lançarem suas pré-candidaturas, optaram em dar início oficial as suas campanhas no município com a realização de um grande comício, cuja data não foi informada.

“Vamos abrir a campanha da vitória em Coroatá”, afirmou Murad.

“Vamos pra frente, gente”, destacou a ex-governadora.

No início da semana, “Tratorzão” abdicou do projeto de disputar o comando do Palácio dos Leões e declarou apoio a Roseana.

A convenção do grupo Sarney que homologará as candidaturas da emedebista; de Edison Lobão (MDB) e Sarney Filho (PV) ao Senado; e dos postulantes aos cargos de deputado estadual e deputado federal acontece no dia 29, a partir das 9h, no Espaço Renascença, em São Luís.

Aviso importante Cancelado evento de lançamento das pré-candidaturas. Ricardo e Roseana anunciam que a CAMPANHA OFICIAL será aberta em Coroatá com grande comício de abertura. Aguarde!

Posted by Ricardo Murad on Friday, July 20, 2018

Promulgada lei do vereador Osmar Filho que incentiva música em praça pública

O Projeto de Lei 109/2017, de autoria do vereador Osmar Filho (PDT), que dispõe sobre a criação do programa “Música na Praça”, no âmbito do município, foi transformado em lei.

A Lei 498/2018, que foi promulgada no inicio deste mês pelo presidente da Câmara de São Luís, Astro de Ogum (PR), democratiza o acesso às manifestações artísticas como a música e valoriza a produção musical na capital, garantindo à população o livre acesso as fontes musicais e ao entretenimento aos bairros, fomentando a cultura local.

Em sua justificativa, o autor da proposta destacou que a implantação da norma será importante por apoiar, valorizar e priorizar os artistas locais, além de incentivar a população, em todas as idades, ao aprendizado e produção da música.

“A ideia principal é que, o projeto ‘Música na Praça ‘ ocorra de forma itinerante nos bairros de São Luís, através de apresentações musicais em espaços públicos”, afirmou Osmar Filho.

A lei tem três artigos e explicita como deve ser executado o projeto que visa incentivar o uso de praças públicas para apresentações musicais. De acordo com o artigo 4º, o programa será executado pela banda de música da Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania – SEMUSC, através da Guarda Municipal.

Já o artigo 5º do mesmo dispositivo diz as despesas decorrentes da execução da norma ocorrerão através de dotações orçamentarias próprias, suplementadas se necessário.

A lei havia sido encaminhada para a sanção do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que tem a opção de sancionar ou devolver ao parlamento para que o chefe do legislativo promulgue com mais celeridade, tornando-os leis a partir do momento da assinatura.

Na contramão da crise, prefeito Edivaldo paga primeira parcela do 13° salário

Mesmo com uma queda progressiva dos repasses federais, resultado da crise em que vive o país, o prefeito Edivaldo pagou nesta sexta-feira (20) a primeira parcela do 13º salário.

Com gestão equilibrada e planejada, São Luís vai na contramão de capitais como o Rio de Janeiro, que anunciou que não conseguirá antecipar o valor para os seus servidores municipais.

Em São Luís, o pagamento do benefício poderia ser feito de maneira integral apenas no fim do ano, mas o prefeito Edivaldo resolveu antecipar o calendário de vencimentos, demonstrando mais uma vez o seu compromisso com o servidor público municipal, uma das marcas da sua gestão.

Crise — Segundo a Confederação Nacional dos Municípios (CNM), a folha de pagamento de pessoal é uma das maiores dificuldades das administrações municipais. De acordo com levantamento, 51% das cidades brasileiras têm dificuldades de pagar os servidores públicos, que com os atrasos deixam as prefeituras com débitos milionários.

Por causa das quedas progressivas de receita, inclusive com uma projeção de 40% a menos no repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) no mês de julho – queda expressiva similar a que ocorreu no mês de março -, manter as contas em dia tem sido a cada mês tarefa mais difícil, fato pelo qual muitas cidades não conseguiram adiantar a primeira parcela do 13º salário, como é o caso do Rio de Janeiro (RJ). Algumas, em estado mais agravado, estão com os salários regulares atrasados.

Apesar de ser uma obrigação da administração pública manter as suas contas em dia, são destacáveis os gestores que têm conseguido destoar suas cidades do cenário de crise que se enfrenta nacionalmente. Na capital maranhense, a gestão Edivaldo está conseguindo não apenas honrar os compromissos salariais como também adiantar o pagamento, contribuindo para que a economia da cidade permaneça aquecida e em curva ascendente.

Eleições 2018: Convenções partidárias podem ser realizadas a partir desta sexta-feira

A partir desta sexta-feira (20) até o dia 5 de agosto, os partidos políticos podem realizar convenções para definir as coligações e escolher os candidatos para as Eleições Gerais de 2018.

Após deliberação dos filiados da agremiação, os candidatos escolhidos poderão pedir o registro de candidatura à Justiça Eleitoral. Nesse último caso, a legislação eleitoral estabelece o dia 15 de agosto como data-limite.

As convenções partidárias são reuniões de filiados a uma legenda para análise de assuntos de interesse do grupo. A Lei das Eleições (caput do artigo 8º), por sua vez, define os prazos para a escolha dos candidatos e a deliberação das coligações (união de dois ou mais partidos a fim de disputarem eleições) nos anos em que se realizarem os pleitos. Nestas eleições, serão escolhidos durante as convenções os candidatos aos cargos de presidente e vice-presidente da República, governador e vice-governador, senador e respectivos suplentes, deputado federal e deputado estadual/distrital.

Para a realização das convenções de caráter eleitoral, os partidos poderão usar gratuitamente prédios públicos, responsabilizando-se por eventuais danos causados com a realização do evento.

Com a homologação das convenções realizadas a partir desta sexta-feira, será permitida a formalização de contratos que gerem despesas e gastos com a instalação física e virtual de comitês de candidatos e de partidos políticos. No entanto, o efetivo desembolso financeiro somente pode ocorrer após a obtenção do número de registro de CNPJ do candidato e a abertura de conta bancária específica para a movimentação financeira de campanha e emissão de recibos eleitorais.

Vereadores aliados de Luis Fernando declaram apoio a Roseana e Sarney Filho

Doze vereadores, além de suplentes, estiveram com Roseana e Zequinha…

…sendo que a maioria é aliada do prefeito tucano, que diz apoiar Flávio Dino.

Um grupo formado por 12 vereadores de mandato do município de São José de Ribamar, além de suplentes e ex-parlamentares, declararam, na última quarta-feira, apoio as pré-candidaturas de Roseana Sarney (MDB) e Sarney Filho (PV) ao governo do estado e Senado Federal, respectivamente.

O grupo é coordenado pelo presidente da Câmara Municipal, Beto das Vilas, do mesmo partido de Zequinha, e é formado por Nonato Lima (PDT), Jô Viana (PSL), Manoel do Nascimento (PC do B), Valdo Coelho (PHS), Jota Lindoso (PSC), Professor Salis (PSB), Juliano Soares (PSDB), Serra Alta (PP), Oswaldo Brandão (MDB), Negão (PDT) e Nádia Barbosa (DEM).

Não estiveram presentes no encontro, mas estão engajados no projeto, Moises Gama (PRB), Paulo Alencar (SD) e Lázaro (PV).

Com exceção de Negão, Juliano e Serra Alta, todos os outros parlamentares integram a base de apoio do prefeito Luis Fernando Silva (PSDB), que foi pré-candidato ao Palácio dos Leões pelo grupo Sarney e, hoje, garante ser aliado incondicional do governador Flávio Dino (PC do B).

A declaração de apoio em massa dada pela Câmara ribamarense ao projeto de Roseana e do irmão foi um verdadeiro zignal e deve ser considerada como uma baixa considerável para Flávio Dino e aliados na terceira maior cidade do Maranhão em número de habitantes.

Luis Fernando aliou-se a Flávio Dino em 2015, quando ingressou no PSDB. De lá pra cá, abandonou o discurso da “mudança de gogó” – termo utilizado pelo prefeito para classificar o governador no período que antecipou o pleito de 2014 – passando a elogiar o comunista e chegando a classifica-lo, recentemente, como o “governador que mais olhou por São José de Ribamar”.

O próprio tucano tem preferências eleitorais diferentes das apresentadas pelo governador.

O prefeito já declarou apoio público ao ex-governador e atual deputado federal, José Reinaldo Tavares (PSDB), ao Senado; e a reeleição do deputado federal Hildo Rocha (MDB), por exemplo.

Zé Reinaldo e Rocha são adversários de Dino, sendo que o último estabeleceu-se como um dos principais críticos da gestão do comunista.

Informações de bastidores revelam que a adesão da Câmara Municipal de São José de Ribamar à Roseana e Sarney Filho é reflexo da relação desgastada existente, hoje, entre os Poderes Executivo e Legislativo.

Desgaste, este, que pode resultar, em 2020, no lançamento de uma chapa para prefeito e vice-prefeito oriunda da Câmara, tendo Beto das Vilas como cabeça.

No entanto, outras informações indicam que o movimento teve a anuência do próprio Luis Fernando, que já se reuniu com Roseana, este ano, pelo menos duas vezes.

Mas isso é assunto para uma próxima postagem.

Prefeito constata pleno funcionamento de novo Centro de Saúde em Godofredo Viana

Acompanhado da primeira-dama, Marise Viana, vereadores e secretários municipais, o prefeito da cidade de Godofredo Viana, Sissi Viana, visitou recentemente o novo Centro de Saúde Aprígio de Oliveira Silva.

A unidade de saúde, que foi reformada e ampliada com recursos próprios do município, foi inaugurada no início deste mês e está em pleno funcionamento oferecendo atendimento de qualidade aos cidadãos.

O prefeito constatou, por exemplo, que a Farmácia Básica está sendo abastecida regularmente, garantindo medicamentos variados aos usuários do sistema público de saúde.

“O remédio, além de ser tratamento, é prevenção. Assumimos o compromisso que saúde é uma das prioridades em nosso governo e estamos trabalhando para disponibilizar os medicamentos que a população precisa. É um ato desumano a pessoa precisar de remédio e não ter. Nós temos que entregar o que é de direito da população“, destacou Sissi Viana.

A secretaria municipal de Saúde, Norma Borges, garantiu que a população godofredense pode ficar tranquila quanto aos medicamentos da Farmácia Básica.

“O governo do prefeito Sissi Viana abastece regularmente a Farmácia, pois trata a saúde municipal com responsabilidade”, disse.

O novo Centro de Saúde conta com ótima infraestrutura, ambientes climatizados. equipamentos modernos e equipe multidisciplinar.

Com a ampliação e reforma, o espaço ganhou novos serviços especializados, tais como atendimento em psiquiatria, ginecologia e neurologia, por exemplo.

Edivaldo entrega chaves de imóveis e mais 448 famílias realizam sonho da casa própria

Mais 448 famílias de São Luís receberam nesta quinta-feira (19) imóveis do “Minha Casa, Minha Vida” e realizaram o sonho da casa própria. O prefeito Edivaldo entregou as unidades habitacionais dos residenciais Piancó III e IV, na região Itaqui-Bacanga, que se juntam aos cerca de 15 mil imóveis entregues, beneficiando 55 mil pessoas em São Luís.

“A entrega desses imóveis traz mais qualidade de vida para 448 famílias e contribui para reduzir o déficit habitacional em São Luís. Sabemos o quão importante é ter um lar para viver dignamente e, por isso, a nossa gestão tem empreendido grande esforço para garantir que cada vez mais pessoas sejam beneficiadas pelo ‘Minha Casa, Minha Vida’. Poder olhar essa felicidade no rosto das pessoas ao terem o grande sonho da casa própria realizado é motivo de grande alegria para nós”, afirmou o prefeito Edivaldo, que estava acompanhado da primeira-dama Camila Holanda, do vice-prefeito Julio Pinheiro, do secretário municipal de Urbanismo e Habitação (Semurh), Mádison Leonardo e representantes do Banco do Brasil.

Uma das beneficiadas é Balbina Martins Ribeiro, a dona Lêda, que fez questão de levar sua netinha, Anne Karen, de 8 anos, para celebrar a conquista. “É difícil encontrar as palavras para definir o sentimento de felicidade e gratidão que eu sinto agora”, afirmou ela.

Assim como dona Balbina, milhares de famílias estão realizando o sonho da casa própria, uma das prioridades da gestão municipal, de acordo com o vice-prefeito Julio Pinheiro. “Desenvolver a política habitacional é importante para que essas famílias tenham uma moradia digna, e o ‘Minha Casa, Minha Vida’ proporciona para essas pessoas a construção de um novo futuro a partir da realização desse sonho”, disse.

O Residencial Piancó III e IV estão localizados na região do Itaqui-Bacanga. As unidades têm seis ambientes, sendo sala, dois quartos, banheiro, cozinha e área de serviço.

O condomínio dispõe, ainda, de área de lazer e quadra esportiva. O projeto conta com infraestrutura de ruas pavimentadas, abastecimento de água, drenagem pluvial e energia elétrica. O complexo habitacional Piancó é composto por oito empreendimentos de apartamentos.

Além do Piancó III e IV, que têm 224 unidades cada um, já foram entregues também o Piancó I, II, VII e VIII.