Dino diz que bolsonarismo tem que voltar para o inferno

O ex-governador Flávio Dino (PSB) tenta se manter vivo no debate político nacional fazendo o que ele mais gosta: criticar o presidente Jair Bolsonaro (PL).

Depois de chamar o capitão reformado do Exército de demônio, e ter sido desmascarado pelo mesmo acerca do envio bilionário de recursos federais para o Maranhão, o comunasocialista, em entrevista ao Valor Econômico, disse estar confiante na vitória de Lula (PT); e voltou a defender o estabelecimento de uma terceira via presidencial como forma de contribuir para que o bolsonarismo volte para o inferno.

“Qualquer coisa que se consolide fora do bolsonarismo atrapalha o crescimento dele. A terceira via só cresce disputando pelo campo da direita. O que drenou a energia vital do pensamento de centro-direita no Brasil não foi o Lula, não foi a esquerda, foi a extrema direita, foi o bolsonarismo. Ela [terceira via] tem que de fato combater o bolsonarismo na eleição de 2022, e para ter sobrevivência no futuro. Eu espero que eles tenham êxito, porque Bolsonaro perderá, mas nós precisamos que também o bolsonarismo volte para a sua casinha. [Precisamos] que o demônio volte para o inferno”, afirmou o pré-candidato ao Senado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.