Dino classifica como “sinal positivo” reunião de governadores com Bolsonaro

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PC do B), classificou como um “sinal positivo” a reunião realizada nesta manhã, por meio de videoconferência, entre o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e os governadores do Brasil.

O comunista, no entanto, lamentou que, no encontro, não tenha sido abordada a pauta econômica e social.

“Reunião do presidente da República com os governadores foi um sinal positivo. Contudo, lamento que ainda não saibamos o que será vetado. E que a pauta econômica e social não tenha sido abordada. Espero que o diálogo institucional se mantenha como regra, e não exceção”, disse.

Bolsonaro participou da reunião acompanhado dos presidentes do Senado e da Câmara, Davi Alcolumbre (DEM-AP) e Rodrigo Maia (DEM-RJ), respectivamente.

Ele afirmou que deve sancionar ainda hoje o projeto de auxílio financeiro a estados e municípios.

O presidente pediu consenso em torno da manutenção dos vetos dele ao projeto de auxílio financeiro aos estados. Um dos trechos vetados permitia reajuste a servidores no período da pandemia. O congelamento era uma contrapartida pedida pelo governo, mas o texto foi modificado no Congresso.

Bolsonaro disse ainda que o governo defende congelamento de salários de servidores até o ano que vem.

“O mais importante: se possível sair uma proposta aqui por unanimidade de nós, ao vetarmos quatro dispositivos, um que é de extrema importância, que esse veto venha a ser mantido por parte do parlamento. Porque é assim que vamos construir nossa política, nos entendendo cada vez mais”, afirmou.

Com informações do G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *