Lobão e Zé Reinaldo são citados em nova lista de investigados na Lava Jato

Três horas após anunciar o lançamento da sua pré-candidatura ao Senado em 2018, o deputado federal José Reinaldo Tavares (PSB) recebeu uma notícia nada agradável nesta terça-feira.

Reportagem do Jornal O Estado de São Paulo, divulgada no fim desta tarde, informa que o ministro relator da Lava Jato, Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, autorizou a abertura de inquérito para investigar mais de 100 políticos em uma nova fase da operação, dentre eles o ex-governador maranhense.

Também aparecem na lista o advogado Ulisses César Martins de Sousa, que exerceu o cargo de procurador-geral do Estado na gestão de Zé Reinaldo, e o senador Edison Lobão (PMDB), que continua sendo investigado em outras fases da operação.

Nove ministros do governo Michel Temer, 29 senadores e outros 41 deputados federais, entre eles os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), estão incluídos na lista de investigados.

O grupo de 108 investigados (veja a lista completa) integra o conjunto de pedidos de abertura de inquéritos que a Procuradoria-Geral da República encaminhou ao Supremo com base em delações premiadas de 77 executivos e ex-executivos da empreiteira Odebrecht.

Até o momento, o ex-governador, o senador e o ex-procurador-geral do Estado não se pronunciaram sobre o caso.

1 pensou em “Lobão e Zé Reinaldo são citados em nova lista de investigados na Lava Jato

  1. Pingback: Lava Jato: Fachin envia ao STJ pedido de investigação contra Flávio Dino e outros oito governadores | Blog do Gláucio Ericeira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.