Em reunião com Flávio Dino, Astro solicita permanência da FEFCEMA na Vila Palmeira

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum (PR), esteve reunido ontem com o governador Flávio Dino (PC do B). Eles conversaram sobre assuntos diversos, sendo que o foco principal foram temas relacionados ao setor da cultura.

Também participaram do encontro o deputado federal e presidente do PDT no Maranhão, Weverton Rocha, e o secretário estadual Márcio Jerry (Articulação Política e Comunicação).

Astro de Ogum solicitou ao comunista que a sede da Federação das Entidades Folclóricas e Culturais do Estado do Maranhão (FEFCEMA) permaneça no Parque Folclórico da Vila Palmeira.

Dino deverá se manifestar oficialmente acerca do pedido do parlamentar nos próximos dias.

“Foi um encontro bastante proveitoso e senti a sensibilidade do governador Flávio Dino ao nosso pleito”, declarou Ogum.

Ele disse acreditar que o governador atenderá o pedido, uma vez que parte de um segmento significativo da sociedade, como o movimento cultural, apoia a permanência da Federação na Vila Palmeira.

Astro de Ogum agendou com Flávio Dino uma visita na Câmara Municipal para o próximo dia 13 de março, oportunidade na qual do chefe do Poder Executivo participará de um café da manhã com os vereadores.

“Será uma excelente oportunidade de estreitarmos os laços entre o Legislativo de São Luís e o Governo do Estado, bem como para o governador conversar com todos nós vereadores e ouvir o que temos para lhe transmitir sobre os problemas que enfrentam a cidade e a sua população”, finalizou.

Cidade Olímpica – O plenário da Câmara de São Luís aprovou requerimento do vereador Edson Gaguinho (PHS) solicitando que a prefeitura recupere, em caráter de urgência, a Avenida Brasil, localizada na Cidade Olímpica.

VLT – O vereador Francisco Chaguinhas (PP) defendeu, esta semana, a utilização do Veículo Leve sobre Trilhos ligando São Luís a Santa Rita.

De acordo com o progressista, Dr. Hilton Gonçalo, prefeito de Santa Rita, sai na frente na discussão da metropolização ao propor a utilização do VLT para esta finalidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.