Eleição 2020: Pesquisa confirma liderança de Braide em São Luís; Adriano Sarney é o mais rejeitado

Levantamento revelou, ainda, que 52% dos eleitores não sabem ainda em quem irão votar para prefeito da capital maranhense.

Levantamento realizado pelo Instituto JPesquisa, pertencente ao Jornal Pequeno, foi divulgado neste domingo (14) e confirmou a liderança do deputado federal Eduardo Braide (PMN) na disputa pela Prefeitura de São Luís, em 2020.

A pesquisa mostrou cenários espontâneo (aquele no qual o nome do candidato não é apresentado ao eleitor) e estimulado (aquele no qual é apresentado o nome do candidato).

No primeiro, Braide lidera com 32% das intenções de voto, seguido pelo deputado estadual do PC do B, Duarte Júnior, que pontuou com 6%.

O deputado estadual Neto Evangelista (DEM) e o deputado federal Bira do Pindaré (PSB) cravaram 2%, cada um.

O deputado estadual Wellington do Curso (PSDB) e o ex-prefeito Tadeu Palácio pontuaram com 1%, cada.

Não souberam ou não responderam 52% e ninguém 4%.

No estimulado, Eduardo Braide marcou 47%, seguido por Duarte Júnior (14%), Do Curso (10%), Evangelista (7%), Bira (5%), Adriano Sarney (3%), Osmar Filho (PDT – 2%), Dr. Yglésio (1%) e Jeisael Marx (1%). Não souberam ou não responderam 6% e nenhum deles 4%.

No cenário estimulado no qual é retirado o nome de Duarte Júnior e colocado o do deputado federal licenciado e atual secretário de Estado das Cidades, Rubens Pereira Júnior (PC do B), o resultado foi o seguinte: Eduardo Braide (51%), Wellington do Curso (11%), Neto Evangelista (9%), Bira do Pindaré (7%), Adriano Sarney (4%), Rubens Júnior (2%), Osmar Filho (2%), Dr, Yglésio (1%) e Jeisael Marx (1%). Não souberam ou não responderam 6% e nenhum deles 6%.

Rejeição – No quesito rejeição, o deputado estadual Adriano Sarney, do PV, lidera com 30% dos eleitores afirmando que não votariam nele de maneira alguma.

Em seguida, aparecem Bira do Pindaré (14%); Wellington do Curso (11%); Osmar Filho (8%); Rubens Júnior (5%); Eduardo Braide e Duarte Júnior (4%, ambos); e Neto Evangelista, Dr. Yglésio e Jeisael Marx (3%, cada).

Foram ouvidas 1.001 pessoas no período compreendido entre os dias 01 a 04 deste mês. A margem de erro é de 3,10% para mais ou para menos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *