Eleição da Famem: Consenso não deverá prevalecer

Diferentemente dos últimos anos, quando o consenso prevaleceu e apenas uma chapa concorreu, a eleição para o comando da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), biênio 2019/20, marcará a primeira disputa entre agentes de um mesmo grupo político que saiu vitorioso das urnas, no pleito de outubro.

A eleição ocorrerá no dia 30 deste mês e será disputada pelos prefeitos Cleomar Tema (Tuntum) e Erlânio Xavier (Igarapé Grande), ambos aliados de primeira hora do Palácio dos Leões.

Tema, ao longo da semana, anunciou novos apoios e disse contar com os votos de, pelo menos, 96 prefeitos.

Apesar de apontar para um grupo robusto, o atual presidente da entidade municipalista, em entrevista à imprensa, afirmou que prefere o consenso, tendo Erlânio como seu vice-presidente.

“Ficarei no cargo de presidente somente até julho de 2020. A partir deste momento, vou dedicar-me exclusivamente à política de Tuntum. O Erlânio, então, assume e pode trabalhar sua reeleição”, garantiu Tema.

No entanto, a proposta do prefeito do DEM não foi aceita pelo grupo liderado pelo gestor de Igarapé Grande.

Erlânio e vários outros prefeitas e prefeitas cobram o cumprimento de um acordo firmado em 2016, quando Tema tentava se viabilizar como candidato.

À época, o prefeito de Tuntum teria obtido o apoio do grupo do gestor do PDT após dar a sua palavra de que teria apenas um mandato à frente da Federação.

Além disso, a forma atabalhoada com a qual a diretoria da entidade conduziu, ano passado, o processo de eleição – tentando realizá-lo às escondidas – contribuiu, sobremaneira, para que o pedetista e seus aliados perdessem totalmente a confiança em Tema.

Erlânio e seu grupo garantem ter o apoio de mais de 140 gestores.

Na próxima quarta-feira (16), no Rio Poty Hotel, em São Luís, o pedetista realizará encontro no qual mostrará todo o seu cacife.

Além de prefeitos e prefeitas, participarão do ato figuras de peso da política maranhense, como o senador Weverton Rocha; o prefeito Edivaldo Holanda Júnior; o deputado federal e ex-presidente da Famem, Gil Cutrim; o presidente da Assembleia Legislativa, Othelino Neto; o presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho; deputados estaduais e federais.

Portanto, Tema e Erlânio deverão “bater chapa” no próximo dia 30.

2 thoughts on “Eleição da Famem: Consenso não deverá prevalecer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *