Pesquisa Big Data/Record confirma liderança de Weverton para o Governo do Maranhão

Levantamento nacional também mensurou preferência do eleitor para o Senado e atestou diminuição da diferença entre Flávio Dino e Roberto Rocha.

Pesquisa de intenção de votos para o Governo do Maranhão realizada pela Real Time Big Data, cujos números foram divulgados pelo site nacional R7, do Grupo Record, atestou liderança do senador Weverton Rocha, pré-candidato do PDT, com 24% da preferência do eleitorado.

Em segundo lugar, no levantamento estimulado (aquele no qual os nomes dos pré-candidatos são apresentados), aparece o governador Carlos Brandão (PSB), com 22%.

Eles são seguidos por Lahesio Bonfim (PSC – 13%), Edivaldo Holanda Júnior (PSD – 12%), Simplício Araújo (SDD – 1%). Enilton Rodrigues (PSOL) e Hertz Dias (PSTU) não pontuaram. Pessoas que pretendem votar branco/nulo somaram 10%, e quem não sabe/não respondeu, 18%.

Na pesquisa espontânea – quando os nomes dos postulantes não são apontados – Brandão e Rocha aparecem empatados, com 10% das intenções de voto. Lahesio Bonfim somou 5% e Edivaldo Holanda Jr obteve 4%.

Nesse cenário, o levantamento não detalhou as pretensões dos eleitores para votar em Simplicio Araújo, Enilton Rodrigues e Hertz Dias.

Senado – A pesquisa também mensurou a preferência do eleitor em relação a única vaga que estará em disputa.

O ex-governador Flávio Dino (PSB) aparece liderando com 45%. O senador e pré-candidato a reeleição, Roberto Rocha (PTB), marcou 27%.
Este resultado confirma que, a cada dia que passa, a diferença entre Dino e Rocha vem diminuindo.

Pesquisa divulgada recentemente pelo Instituto Exata mostrou vantagem do comunasocialista de 25% em cima de RR.

O levantamento da Big Data confirmou que este percentual caiu para 18%.

Pastor Abel (Agir 36) registrou 5%; Antônia Coriongo (PSOL) tem 3%; Saulo Arcangeli (PSTU) não pontuou.

A pesquisa tem margem de erro de 3%, para mais ou para menos. Foi feita por telefone com 1,5 mil eleitores maranhenses, entre os dias 20 e 21.

O nível de confiança é de 95%, o que significa que a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%, levando em consideração a margem de erro.

A pesquisa está registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número MA-01727/2022.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.