Josimar critica Dino e diz que ele falhou ao não retirar o Estado da extrema pobreza

Deputado federal saiu em defesa do presidente Bolsonaro e afirmou que não foi ele quem, em 2015, da sacada do Palácio dos Leões, fundou a “República do Maranhão” e fez inúmeras promessas ao povo.

O deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL), em entrevista ao editor do Blog, nesta manhã, na Assembleia Legislativa, fez duras críticas ao ex-governador Flávio Dino (PSB), pré-candidato ao Senado pelo grupo do atual governador Carlos Brandão (PSB).

Questionado sobre recentes declarações do comunasocialista, nas quais ele culpou o presidente Jair Bolsonaro e os bolsonaristas pelo estado de extrema pobreza ainda vivido pelos maranhenses, o parlamentar disparou:

“Que eu me lembre, não foi Bolsonaro que, no dia 01 de janeiro de 2015, da sacada do Palácio dos Leões, garantiu que iria acabar com a pobreza no Estado do Maranhão. Que lançou um projeto, de nome Mais IDH, afirmando que retiraria os municípios maranhenses da extrema pobreza. O Mais IDH é um projeto falido, executado de forma equivocada e que não chegou aonde deveria chegar”, disse.

“Os Restaurantes Populares, por exemplo, possuem preço adequado e a refeição servida é de qualidade. No entanto, não atingem quem realmente precisa. Um Restaurante implantado no centro de uma cidade não vai beneficiar aquela pessoa carente que está na periferia e que não tem dinheiro nem para se deslocar. São exemplos de erros cometidos por este Governo que, com toda certeza, nós não iremos cometer”, completou citando que 74% das famílias maranhenses sobrevivem com uma renda abaixo do valor do salário mínimo.

Apoiador da pré-candidatura ao Governo do senador Weverton Rocha (PDT), Josimar também tratou da escolha do nome do deputado estadual Hélio Soares, presidente regional do PL, para compor, na condição de vice, a chapa que será encabeçada pelo pedetista.

“Hélio é um grande companheiro, um amigo. Pessoa por quem eu e todo grupo do PL temos muito carinho e extrema confiança. A escolha do seu nome foi uma unanimidade. Tenho certeza que será um grande vice e ajudará o próximo governador, Weverton Rocha, a desenvolver as ações que o Estado e nosso povo tanto necessitam”, finalizou.

Josimar confirmou, ainda, que ele e o seu grupo apoiarão a reeleição presidencial do capitão reformado do Exército.

Avaliou, ainda, que Bolsonaro não deverá vir ao Maranhão durante a campanha eleitoral e, se vier, terá o seu apoio.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.