Camarão confirma estratégia do grupo governista de nacionalizar eleição do Maranhão

O ex-secretário estadual de Educação e pré-candidato a vice-governador na chapa de Carlos Brandão (PSB), Felipe Camarão (ex-DEM e agora no PT), confirmou nesta última quarta-feira, em entrevista ao programa Panorama, da Rádio Mirante AM, a estratégia do grupo governista para o pleito majoritário que definirá o comando do Palácio dos Leões.

De acordo com Camarão, a estratégia definida pelo ex-governador Flávio Dino e por Brandão, líderes do campo que está no poder, é nacionalizar a eleição, trazendo como tema principal para o debate uma disputa, à nível federal, que já acontece entre o ex-presidente Lula (PT) e o atual presidente Jair Bolsonaro (PL).

“Esses próximos meses serão determinantes e em especial a campanha eleitoral para que o eleitor possa definir. A eleição no Maranhão será polarizada de forma muito acentuada. Aqui no Maranhão a gente vai fazer isso de forma muito clara. Os partidos que apoiam a eleição do presidente Lula e aqueles que não apoiam”, afirmou.

A estratégia revelada pelo ex-secretário já havia sido publicizada pelo editor do blog no post “Dino utilizará disputa entre Lula e Bolsonaro para esconder miséria do Maranhão”

Nele, foi mostrado que Dino e Brandão se utilizarão da polarização entre Lula e Bolsonaro não apenas com o objetivo de surfar na popularidade do petista, mas também para desviar a atenção do eleitor dos múltiplos fracassos que a dupla adquiriu nos últimos sete anos e três meses.

1 pensou em “Camarão confirma estratégia do grupo governista de nacionalizar eleição do Maranhão

  1. Glaucio essa rádio hoje e a queridinha de capelli , dizem que mudaram a programa pra turbinar a campanha do mesmo , so tecendo comentários positivos já não e pode nem criticar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.