Procuradora do MA reage e chama filho de Bolsonaro de adorador de torturador

A procuradora do Estado do Maranhão, Renata Bessa, reagiu, em postagem nas redes sociais, as ameaças proferidas contra ela pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro.

No sábado de aleluia, Bessa malhou um Judas com a cara do capitão reformado do Exército.

O vídeo ganhou ampla repercussão devido ao fato da procuradora ter usado uma faca.

Eduardo Bolsonaro, filho 03 do presidente, afirmou, ontem, que havia acionado seus advogados para denunciarem a procuradora ao Ministério Público e Conselho Nacional do Ministério Público, o que, em tese, não terá efeito algum, uma vez que Bessa é servidora do Governo do Maranhão.

“Em relação ao Judas, ano que vem farei o Bolsonaro 2, que será devidamente malhado. No Judas que malhar, coloco o nome e faço como quiser: ainda vivo num estado democrático de direito. A esse adorador de torturador e seus seguidores, deixo meu repúdio. Nunca me calarei e tomarei as providências cabíveis. Defendo o direito de todos, inclusive os meus”, disse Renata, que também teceu elogios ao ex-governador Flávio Dino, que foi seu professor de Direito Constitucional.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.