Lahesio Bonfim e Roberto Rocha admitem união para as eleições 2022

O ex-prefeito de São Pedro dos Crentes, Lahesio Bonfim, e o senador Roberto Rocha admitiram esta semana unirem-se com o objetivo de disputar a eleição majoritária deste ano.

Pré-candidato ao Governo, Bonfim filiou-se ao PSC, partido comandado no Estado pelo deputado federal Aluisio Mendes.

Rocha tomou para si o PTB, sendo que ainda não divulgou oficialmente seu futuro político.

Em São Luís, ontem, o ex-prefeito mostrou ter superado o episódio no qual perdeu o PTB para RR e afirmou que, caso deseje disputar a reeleição, o senador poderá fazê-lo em sua chapa.

“Ele pode vir, desde que tenha consciência de que eu sou o candidato ao Governo”, comentou o médico.

Já Roberto Rocha, em entrevista a TV Mirante, nesta manhã, confirmou que pode compor com o ex-prefeito e ainda conclamou os demais pré-candidatos do campo da direita e ligados ao bolsonarismo, como o ex-prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PSC) e o deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL), a se unirem.

“Nós aqui somos do mesmo campo político: tanto o Lahesio [Bonfim], quanto eu, quanto o Edivaldo [Holanda Júnior], quanto o Josimar [de Maranhãozinho]. Cabe a nós, usar a cabeça. Então como é que eu vou querer implodir alguém do meu campo? Será que eu quero o Josimar morto politicamente, ou vivo? Será que eu quero o Edivaldo, o Lahesio, morto politicamente, ou vivo? Será que eles me querem morto politicamente, ou vivo? Se não estivermos juntos, nós poderemos estar dando a oportunidade de ter no segundo turno dois candidatos vermelhos, dois candidatos da esquerda. Isso cabe a nós fazer essa avaliação”, afirmou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.