“Dirigiremos a Câmara de forma coletiva”, diz Paulo Victor

Vereador recebeu, nesta manhã, adesão de Dr. Gutemberg e do seu grupo e será aclamado presidente  da CMSL no próximo dia 04. PV também confirmou que tirará licença após o pleito para, provavelmente, assumir uma pasta no governo de Carlos Brandão.

O vereador Paulo Victor (PC do B) concedeu, nesta manhã, entrevista ao editor do Blog e ao radialista Rogério Silva, oportunidade na qual tratou sobre a eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de São Luís, biênio 2023/24,, que acontecerá na próxima segunda-feira, dia 04 de abril, às 10h.

O parlamentar recebeu oficialmente o apoio de Dr. Gutemberg (PSC) e do seu grupo.

Portanto, será aclamado presidente da Casa em uma chapa única.

“Recebi com muita gratidão o apoio do vereador Gutemberg e de toda sua chapa para unificarmos a eleição que acontecerá no dia 04. Esta unificação me deixou muito feliz. Dirigiremos a Câmara de forma coletiva. Não teríamos chegado até aqui se não tivéssemos plantado a semente da paz e união”, comentou.

Paulo Victor afirmou que, ainda esta semana, definirá os nomes que comporão a chapa para os demais cargos da Mesa.

Francisco Chaguinhas (Podemos) e Aldir Júnior (PL), conforme o editor do blog já adiantou, deverão concorrer para a 1ª vice-presidência e 1ª secretaria, respectivamente.

“Vamos decidir, no decorrer da semana, com o nosso grupo, os 18 vereadores que já haviam declarado apoio”, disse.

“Unidade em prol do parlamento, dos servidores e da nossa querida São Luís. Seguiremos unidos e venceremos para fazer o melhor por cada ludovicense. Deus é fiel”, completou.

O próximo presidente da CMSL confirmou, ainda, que, após o dia 04, tirará licença sem vencimento do mandato – no seu lugar, assumirá Marcelo Poeta, também do PC do B.

Questionado sobre informação dando conta de que ele assumirá uma pasta no governo Carlos Brandão (PSB), que tomará posse no próximo dia 02, o parlamentar cravou: “Sou de missão, sou soldado. Vou tirar licença depois da eleição para que possa ajudar o governador Carlos Brandão no campo político. Não poderia misturar Câmara com política”.

Paulo Victor é cotado para comandar a Secretaria de Estado da Cultura.

1 pensou em ““Dirigiremos a Câmara de forma coletiva”, diz Paulo Victor

  1. Pingback: “Quem manda no meu mandato sou eu”, diz Concita Pinto ao negar que irá licenciar-se do mandato - Blog do Gláucio EriceiraBlog do Gláucio Ericeira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.