Escutec atesta, mais uma vez, liderança de Weverton para o Governo do Maranhão

Pesquisa de intenção de votos do Instituto Escutec, divulgada pelo Portal Imirante nesta quarta-feira (01), atestou, mais uma vez, liderança folgada do senador Weverton Rocha (PDT) na disputa para o Governo do Maranhão.

O Instituto já havia realizado um primeiro levantamento no mês de outubro cravando que o pedetista é o candidato do grupo do governador Flávio Dino (PSB) que possui a preferência da maioria do eleitorado – situação que atende critério estabelecido pelo próprio governador para escolha do nome que terá o seu apoio.

Foram apresentados cinco cenários espontâneos (aqueles nos quais são apresentados aos entrevistados os nomes dos pré-candidatos).

No primeiro deles, a ex-governadora Roseana Sarney (MDB), que é pré-candidata a deputada federal ou pode mudar os planos para concorrer ao Senado, lidera com 27%; seguida por Weverton (17%); o ex-prefeito Edivaldo Holanda Júnior (11%); o senador Roberto Rocha (10%); o vice-governador Carlos Brandão (7%); o deputado federal Josimar de Maranhãozinho (7%); o prefeito Lahesio Bonfim (5%); o secretário Felipe Camarão (3%); e o secretário Simplício Araújo (2%). Nenhum deles 6% e 5% não souberam ou não responderam.

No cenário dois, o resultado foi o seguinte: Weverton (23%); Roberto Rocha (16%); Edivaldo (13%); e Carlos Brandão (12%). 19% nenhum deles e 17% não souberam ou não responderam.

O senador permanece liderando no cenário três com 26% das intenções de voto.

Edivaldo marcou 16%, seguido por Brandão (13%) e Josimar (12%). 19% nenhum deles e 14% não souberam ou não responderam.

Weverton também cravou 26% no cenário quatro, seguido por Edivaldo (17%); Brandão (13%); e Felipe Camarão (4%). 21% nenhum deles e 19% não souberam ou não responderam.

No último cenário o pedetista marcou 25%, seguido por Roberto Rocha (17%); Brandão (12%); e Camarão (4%). 25% nenhum deles e 17% não souberam ou não responderam.

Rejeição – Roseana também lidera no quesito rejeição. 26% dos entrevistados afirmaram não votar na emedebista. Em seguida aparecem Josimar (13%); Weverton (7%); Roberto Rocha (7%); Felipe Camarão (5%); Brandão (4%); Edivaldo (4%); Simplício (2%); Lahesio Bonfim (1%). 15% nenhum deles e 16% não souberam ou não responderam.

Senado – Para o Senado, o governador Flávio Dino lidera os dois cenários espontâneos apresentados.

No primeiro, ele recebeu 41% da preferência do eleitorado, seguido por Roberto Rocha (26%); Edivaldo (12%); Othelino Neto (4%); e Paulo Romão (1%). Nenhum deles 11% e 5% não souberam ou não responderam.

Em outro cenário, Dino amplia a vantagem e sobe para 45%. Roberto marcou 29%.

16% nenhum deles e 10% não souberam ou não responderam.

Foram entrevistados dois mil eleitores no período compreendido entre os dias 23 a 27 de novembro.

O levantamento tem nível de confiabilidade de 90% e margem de 3% para mais ou para menos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.