Dino e Márcio Jerry detonam Bolsonaro

O governador Flávio Dino e o deputado federal licenciado e atual secretário de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano, Márcio Jerry, ambos do PC do B, detonaram, neste último fim de semana, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Os comunistas reagiram a uma declaração dada pelo capitão reformado do Exército, em conversa com apoiadores na entrada do Palácio da Alvorada, em Brasília.

“Vamos arrancar esse PC do B do Maranhão”, disse o presidente.

Dino e Jerry imediatamente recorreram as suas redes sociais para responder a ofensiva.

“O presidente pediu um “sinal”. Então os apoiadores restantes deram o tal sinal (“eu autorizo”). E o que acontecerá amanhã ? A especialidade de Bolsonaro: NADA. No máximo, algumas bravatas no “cercadinho”. Depois, o ócio de sempre. Trabalho ? Chance zero”, afirmou o governador.

Presidente do PC do B no Maranhão, Jerry voltou a classificar Bolsonaro de genocida.

“Discurso pra emular o gado local, que é pouco. Só isso mesmo. Ele tá é com muito medo de ser democraticamente arrancado da presidência que conspurca todos os dias com seus incontáveis cometimentos de estupidez. Bolsonaro estaria salvando milhares de vidas se fizesse como presidente o que o governo Flávio Dino faz no Maranhão. Com o PC do B,, Maranhão vai bem, obrigado. Já o Brasil com o genocida à frente vai infelizmente de mal pior”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *