Eleições 2018: Nonato Chocolate protocola pré-candidatura ao Senado pelo PT

O professor universitário Nonato Chocolate protocolou ontem, no diretório estadual do PT, no bairro do Cohafuma, seu projeto de representar o partido na disputa pelas duas vagas que serão abertas para o Senado nas eleições deste ano.

Chocolate entregou o documento ao presidente estadual da sigla e assessor especial do governador Flávio Dino (PC do B), Augusto Lobato, que afirmou que conduzirá o processo referente às pré-candidaturas com isonomia, imparcialidade e republicanismo.

Também estiveram presentes no ato petistas como Francimar Melo (secretário de Organização); Henrique Sousa (secretário de Formação); Crycielle Muniz (secretária de Comunicação); Camila Pedrosa (diretoria Nacional da UBES); Carlos Augusto (secretário de Mobilização Executiva de São Luis); Clemilton (Executiva São Luis); Zeila Albuquerque (Coletivo PT MULHERES); além de integrantes da juventude do partido no estado.

Nonato Chocolate integra a corrente Construindo um Novo Brasil (CNB), grupo que não possui cargos no governo do estado e que defende candidatura própria ao Palácio dos Leões.

Sua pré-candidatura é um contraponto ao nome do ex-secretário estadual de Esporte e Lazer, Márcio Jardim, cuja pré-candidatura é apoiada por Lobato; Honorato Fernandes (presidente do PT de São Luís); e outros petistas ligados ao projeto de reeleição do governador comunista.

Após a entrega do documento, foi realizado ato em apoio ao ex-presidente Lula.

1 pensou em “Eleições 2018: Nonato Chocolate protocola pré-candidatura ao Senado pelo PT

  1. Pingback: Petistas da CNB podem desembarcar no governo Flávio Dino - Blog do Gláucio Ericeira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *