Governo não paga aluguel e policiais são despejados da Delegacia de Peritoró

Representantes do Sinpol e Adepol estiveram hoje no município.

Policiais civis que trabalham em Peritoró foram despejados do prédio onde funcionava a Delegacia do município devido ao não pagamento, por parte do governo do estado, de aluguéis referentes ao período que compreende os últimos quatro anos.

O proprietário do imóvel, em função da inadimplência da gestão Flávio Dino (PC do B), ingressou na Justiça e, esta semana, obteve decisão que lhe garantiu reassumir a posse do prédio, forçando, desta forma, o despejo da equipe da Polícia.

Representantes do Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol) e da Associação dos Delegados da Polícia Civil (Adepol) estiveram na cidade e constataram a situação de calamidade do setor de segurança pública.

Os policiais despejados serão alojados temporariamente no quartel da Polícia Militar. O atendimento feito pela equipe comandada pelo delegado Fábio Cordeiro, no entanto, será oferecido na Delegacia da cidade vizinha de Codó.

Uma obra para construção de uma nova Delegacia está localizada na mesma rua onde funcionava o antigo prédio. Os trabalhos, executados pelo governo estadual com recursos da União, estão paralisados.

Na semana passada, durante trabalho de itinerância feito no interior do estado, membros do Sinpol constataram inúmeras irregularidades e as condições degradantes de funcionamento das Delegacias de Colinas, Barão de Grajaú e Paraibano, por exemplo.

Presos construíram uma mini-favela nos fundos da Delegacia de Colinas.

Em Colinas, foi verificado, inclusive, a existência de uma mini-favela construída nos fundos do distrito pelos próprios presos e que está sendo utilizada pelos mesmos como espécie de cela/moradia.

No início do mês, o Sinpol também denunciou o corte do fornecimento de energia elétrica nas Delegacias de Carutapera e Paraibano.

Motivo: o não pagamento das contas por parte do governo comunista.

Abaixo, assista entrevista do representante do Sindicato, nesta sexta-feira, concedida ao jornalista Acélio Trindade.

 

3 pensou em “Governo não paga aluguel e policiais são despejados da Delegacia de Peritoró

  1. Pingback: “É problema de gestão de secretário”, afirma Raimundo Cutrim sobre caos no Segurança Pública - Blog do Gláucio Ericeira

  2. Pingback: “Os presos entram e saem quando querem”, afirma promotor ao pedir interdição de carceragem no MA - Blog do Gláucio Ericeira

  3. Pingback: Adepol condena abusos de Jefferson Portela - Blog do Gláucio Ericeira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.