Delegado, agentes da Polícia e advogado são presos em Açailândia

Delegado Thiago Fillipin.

Uma operação da Polícia Civil resultou nesta quarta-feira (28), na cidade de Açailândia, nas prisões de quatro policiais civis e um advogado acusados pelo Ministério Público de formação de quadrilha.

Foram detidos o delegado Thiago Fillipin, titular da Delegacia do município; dois agentes identificados pelos nomes de Mauro e Glalber; uma escrivã, cujo primeiro nome é Silvia; e um advogado identificado como Eric.

Os acusados foram transferidos para São Luís no helicóptero do Grupo Tático Aéreo (GTA).

Segundo denúncia da promotora de Justiça Camila Gaspar, o esquema criminoso envolvendo os policiais e o advogado funcionava da seguinte forma: pessoas eram presas injustamente sem que houvesse provas de que as mesmas teriam cometido algum tipo de crime. A partir de então, Eric conversava com o “detido” garantindo a ele que se pagasse determinada quantia ao delegado Thiago Fillipin seria liberado sem maiores transtornos.

Os cinco acusados são investigados pelo Ministério Público desde o ano passado.

3 pensou em “Delegado, agentes da Polícia e advogado são presos em Açailândia

  1. Todas as instituições estão enfrentando uma crise ética e moral como nunca tinha acontecido.Necessário se faz desencadear um movimento de moralização das instituições sem as quais a sociedade não pode subsistir de pé.O Ministério Público e a Polícia federal estão em plena atividade, neste sentido, e é louvável que a Polícia Civil e o Ministério Público Estadual, se engajem nesta tarefa tão necessária e tão urgente,tendo a consciência de que não são promotores nem policiais do governo, mas do ESTADO DO MARANHÃO.O Rio de Janeiro está fazendo uma limpeza na polícia, prendendo policiais bandidos que estavam a serviço dos bandidos traficantes.

  2. Por que este espaço fica em branco e o nome da gente embaixo ? isto não pode ser usado com mensagens que não são minhas ?

  3. Pingback: Justiça mantém prisão de delegado acusado de corrupção em Açailândia - Blog do Gláucio Ericeira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.