Algumas avaliações sobre o I Encontro da Gratidão

O editor do blog esteve na cidade de Tuntum, neste último fim de semana, acompanhando o lançamento da pré-candidatura ao Senado do ex-governador e deputado federal, José Reinaldo Tavares.

O evento foi denominado I Encontro da Gratidão e terá, em breve, versões semelhantes em outras regiões do estado.

Abaixo, trago algumas avaliações sobre o que ouvi e apurei.

Zé Reinaldo consolidado – Se existia alguma dúvida, ela foi totalmente dirimida no ato realizado na residência do prefeito de Tuntum e presidente da FAMEM, Cleomar Tema. O projeto Zé Reinaldo senador do Maranhão em 2018 é uma realidade concreta. Para centenas de lideranças políticas que participaram da festa – a maioria prefeitos e ex-prefeitos – a candidatura de Zé Reinaldo representa os municípios maranhenses. O ex-governador saiu muito mais forte e com amplas condições de ser um dos dois candidatos do grupo do governador Flávio Dino (PC do B).

Prestígio político – Cleomar Tema mostrou que é hoje a maior liderança política entre prefeitos e prefeitas do estado. O presidente da FAMEM mostrou força e forte prestígio ao receber na sua casa dezenas de gestores públicos municipais; além de outras lideranças. Tema, sem dúvida alguma, terá forte poder de influência nas eleições do ano que vem. Pode, caso o quebra cabeça partidário permita, vir a ser o companheiro de chapa de Flávio Dino, que tentará a reeleição.

Gratidão, gratidão, gratidão – Tratou-se da palavra mais pronunciada durante o ato. Todos fizeram questão de usá-la para demonstrar apreço e reconhecimento pelo trabalho realizado por Zé Reinaldo enquanto governador e político com vasto lastro. Ela também foi utilizada para traçar o enredo da curta trajetória política do governador Flávio Dino. Afinal, em 2006, Zé Reinaldo conseguiu eleger Dino, um então desconhecido, deputado federal. O recado foi dado e, com toda certeza, já foi repassado ao governador pelo seu braço direito e presidente do PC do B no Maranhão, Márcio Jerry, que se fez presente na festa.

Jerry não curtiu – Era cristalino o incomodo de Márcio Jerry quando os oradores relacionavam a palavra gratidão à chegada de Zé Reinaldo ao Senado. Incomodo porque na maioria dos casos ela foi empregada para ilustrar o pensamento dos gestores municipais sobre o sentimento que Flávio Dino deve ter em relação ao ex-governador.

Por que não o DEM? – Zé Reinaldo voltou a confirmar que trocará o PSB pelo DEM – reveja Aqui. Alguns analistas avaliam esta possibilidade como remota. Pergunto: por que?. Ora, o DEM, a nível nacional, é adversário do PC do B. No entanto, em terras maranhenses, este distanciamento não existe. Mesmo sem possuir cargos estratégicos no primeiro escalão do governo, o Democratas mantém bom relacionamento com o Palácio dos Leões, fruto do trabalho do seu presidente, deputado federal Juscelino Filho. O DEM, portanto, além de abrigar a candidatura ao Senado de Zé Reinaldo, deverá marchar com Flávio Dino na sua reeleição.

O que fazer com Waldir? – Foi um dos principais questionamentos feitos após o lançamento do nome do ex-governador ao Senado. Lideranças políticas presentes no evento dão como certa a dupla Weverton Rocha/Zé Reinaldo como candidatos de Dino. O deputado federal Waldir Maranhão (PP), na avaliação da maioria dos políticos, já estaria descartado.

Weverton e Zé Reinaldo juntos – Weverton Rocha  e Zé Reinaldo terão, a partir de agora, uma agenda política conjunta rumo à Câmara Alta. A informação foi confirmada pelo próprio ex-governador. A primeira reunião ocorrerá este mês ou no próximo na região sul do estado.

Parabéns, Daniela – Finalizo parabenizando a primeira-dama de Tuntum, Daniela. A esposa de Cleomar Tema foi incansável e ajudou muito o marido para que o evento fosse o sucesso que foi. Educada e atenciosa, Daniela cuidou de detalhes logísticos e demonstrou grande traquejo político no acolhimento e trato com os presentes. É por isso que o seu nome já começa a ser cotado para deputada estadual, em 2018.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.