Lava Jato: Delator acusa Flávio Dino de ter recebido R$ 400 mil em propina. Governador divulga documento negando

Inserido em uma nova lista de investigados na operação Lava Jato, o governador Flávio Dino (PC B) divulgou nesta manhã, em suas redes sociais, documento expedido pela Câmara dos Deputados atestando que ele não apresentou parecer ou qualquer outra manifestação sobre o projeto de lei nº 2.279/07, que beneficiaria a empreiteira Odebrecht.

Em delação premiada, José de Carvalho Filho, ex-funcionário da empreiteira, afirmou que Dino, na condição de deputado federal e relator do projeto, teria cobrando R$ 400 mil de propina para que a proposta fosse aprovada.

O dinheiro, segundo o delator, foi repassado ao comunista como forma de ajuda financeira para sua primeira campanha ao governo do estado, em 2010.

“Não sou autor do projeto. Fui designado relator e jamais dei parecer ou apresentei qualquer manifestação”, disse o govenador ainda a pouco.

Veja, abaixo, o documento divulgado por Dino.

Saiba mais sobre a nova fase da operação Lava Jato que investiga políticos do Maranhão clicando AQUI e AQUI.

4 pensou em “Lava Jato: Delator acusa Flávio Dino de ter recebido R$ 400 mil em propina. Governador divulga documento negando

  1. Pingback: Lava Jato: Fachin envia ao STJ pedido de investigação contra Flávio Dino e outros oito governadores | Blog do Gláucio Ericeira

  2. Pingback: Lava Jato: Zé Reinaldo afirma que não foi citado nas delações da Odebrecht | Blog do Gláucio Ericeira

  3. Pingback: 64,6% dos maranhenses acredita que governador esteja envolvido na Lava Jato, revela pesquisa - Blog do Gláucio Ericeira

  4. Pingback: Lava Jato: PGR encaminha ao STJ denuncia envolvendo Flávio Dino - Blog do Gláucio Ericeira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.