“Ainda não tem nada definido”, afirma Pedro Fernandes sobre filiação de Waldir Maranhão ao PTB

Notícia publicada no blog Direto da Fonte, do Estadão, causou certo movimento na imprensa maranhense especializada na cobertura política nesta terça-feira.

A informação revela que o deputado federal Waldir Maranhão (PP), que é pré-candidato ao Senado em 2018, estará em São Paulo nesta quarta-feira para assinar ficha de filiação ao PTB, partido comandado no Brasil pelo ex-deputado Roberto Jefferson.

Maranhão, segundo a notícia, além de garantir um ninho partidário sólido para tentar viabilizar seu projeto de chegar à Câmara Alta, funcionaria como uma espécie de embaixador do PTB no Maranhão em prol da candidatura à Presidência da República do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB).

O deputado federal e presidente do diretório estadual do PTB, Pedro Fernandes, informou ao editor do blog que, de fato, o seu colega de parlamento estará na capital paulista amanhã.

Fernandes, porém, disse que ainda não há definição acerca da filiação de Maranhão ao partido.

“O Roberto [Jefferson] conversou comigo e amanhã o Waldir irá a São Paulo conversar com ele. No entanto, ainda não há definição sobre esse assunto [filiação]”, explicou Fernandes de forma sucinta.

Tentamos, por várias vezes, contato com Waldir Maranhão. Não obtivemos sucesso.

É público que Maranhão vem buscando um novo abrigo partidário objetivando tentar representar o grupo do governador Flávio Dino (PC do B) na disputa por uma das duas vagas ao Senado ano que vem.

Ele próprio já deixou vazar a informação de que poderia ir para o PT, com a chancela do ex-presidente Lula.

No entanto, eis que surge a versão Waldir Maranhão no PTB.

Agora, é aguardar e conferir se, de fato, ele se filiará, ou não, aos quadro da legenda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.