Câmara aprova cessão de uso para construção de Centro Integrado de Segurança

A população de São Luís contará, em breve, com um prédio que abrigará o Centro Integrado de Segurança Pública, sediando os órgãos ligados as áreas municipal e estadual.

Para tanto, o plenário da Câmara Municipal aprovou, nesta segunda-feira, projeto de lei, de autoria do Poder Executivo, que “autoriza a prefeitura a firmar termo de concessão de direito real de uso de bem público pelo prazo de 20 anos com o governo do estado.

A urgência da aprovação do projeto foi solicitada pelo líder do governo no Legislativo, vereador Pavão Filho (PDT), tendo como voto contrário apenas o Francisco Chaguinhas (PP), que questionou o pedido da liderança governista.

Pavão Filho explicou que no imóvel em questão funcionou a Secretária Municipal de Saúde e com a mudança para a nova sede o mesmo ficou sem destinação. O mesmo argumento foi corroborado pelo vereador Isaias Pereirinha (PSL), acrescentando que o local serve para a prática de atos de vandalismo e provoca um clima de insegurança para a população e para quem transita pela área.

No futuro Centro Integrado de Segurança, segundo informou Pavão Filho serão sediados diversos setores ligados as Secretarias de Estado e Municipal de Segurança, “além de se tornar um equipamento necessário para o combate a insegurança em nossa cidade, sem contar que o pedido e a aprovação desse projeto se trata de uma parceria que tem esta Câmara com a prefeitura e com o governo”.

A matéria foi aprovada por todos os demais parlamentares presentes na sessão.

O presidente da Casa, vereador Astro de Ogum (PR), fez questão de agradecer os votos de todos os vereadores, destacando que o colega que havia se manifestado contra também irá colaborar com mais essa ação para o bem estar da população e do município.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.