SMTT irá apreender veículos que estiverem operando na plataforma Uber

De acordo com a Secretaria, serviço não poderá operar porque ainda não está legalizado em São Luís.

A Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte de São Luís (SMTT), através da sua Assessoria de Comunicação, confirmou agora a pouco ao editor do blog que irá apreender os veículos que estiverem cadastrados e operando na plataforma Uber, aplicativo para transporte privado de passageiros.

“O serviço não poderá operar porque não está legalizado. Os veículos que forem identificados em operação serão apreendidos pela Secretaria”, afirmou a Asscom da Secretaria.

O Uber começou a operar em São Luís na tarde desta terça-feira e sua utilização vem gerando debates diversos, além de provocar a ira dos taxistas – reveja.

Em entrevista concedida a vários veículos de comunicação da capital, a gerente de comunicação do aplicativo, Letícia Mazon, explicou que, neste primeiro momento, somente o serviço de Uber X – que consiste na utilização de carros mais compactos e com preços das corridas mais acessíveis – está disponível.

Ela não informou o quantitativo de veículos já cadastrados na capital.

A operação do Uber em São Luís ainda não está regulamentada por meio de lei.

Encontra-se na Câmara de Vereadores projeto de lei, de autoria da ex-vereadora Luciana Mendes (PP), proibindo o serviço. A proposta foi aprovada ano passado e enviada para o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que não a sancionou.

O projeto retornou à Casa Legislativa. Sua promulgação, ou não, por parte da Mesa Diretora só ocorrerá após as festas carnavalescas.

Paralelo a isso, também tramita na Câmara projeto de lei, de autoria do vereador Paulo Victor (PROS), que regulariza a utilização do aplicativo.

A proposta também só será apreciada pelos parlamentares após o Carnaval.

2 pensou em “SMTT irá apreender veículos que estiverem operando na plataforma Uber

  1. Não concordo com a negatividade do projeto de Lei que autoriza os serviços, por tratar-se de uma tendência já em uso nas grandes capitais e que só trazem benefícios aos usuários e ainda a reação apresentada pelos taxistas convencionais é normal pois serão afetados diretamente porém sem êxito.

  2. Pingback: E agora Canindé? A SMTT irá apreender veículos do Uber em São Luís? | Blog do Gláucio Ericeira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.