Roberto Rocha diz que Márcio Jerry tem fama de comunista patife

Rompidos politicamente já há algum tempo, o senador Roberto Rocha (PSB) voltou a utilizar suas redes sociais, nesta tarde, para bater forte no governo Flávio Dino (PC do B).

E para isso, mirou no seu principal auxiliar, o secretário de Articulação Política e Comunicação, Márcio Jerry.

Rocha postou em seu o twitter o seguinte comentário: “O Maranhão é o único lugar do mundo onde o comunismo defende a propriedade privada, só que dos próprios comunistas”.

Tratou-se de uma referência ao imóvel alugado pelo governo do estado, no bairro da Aurora, para abrigar uma unidade da Funac. O imóvel pertence a Jean Carlos Oliveira. Ele é filiado ao PC do B e recebe, desde 2015, R$ 12 mil mensais.

No seu twitter, sem citar nomes, Jerry retrucou: “Houve um tempo no Maranhão, de triste memória, em que até área da Polícia Militar foi ocupada para se transformar em negócio privado”.

O jornalista Gilberto Leda, em comentário, questionou o secretário sobre uma possível desapropriação do terreno.

Mostrando-se favorável à sugestão de Leda, Rocha, então, disparou também em comentário: @marciojerry sob pena de reforçar sua fama de comunista patife.

Jerry, até o momento, não devolveu a gentileza ao senador.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.