A difícil situação de Stênio Rezende

Exercendo, de forma consecutiva, o seu quarto mandato como deputado estadual, o médico Stênio Rezende (DEM) passa pelo pior momento da sua vida pública que já dura mais de duas décadas.

O parlamentar corre perigo eminente de ter o mandato cassado, o que pode render-lhe o fim da sua carreira política iniciada em 1998.

Na última quarta-feira (16), o Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região condenou Rezende pelos crimes de corrupção, peculato, lavagem de dinheiro, uso de documento falso e falsidade ideológica. Ele teve, ainda, os direitos políticos suspensos por oito anos e foi obrigado a pagar multa.

Na mesma sentença, o deputado foi condenado a quatro anos e seis meses de prisão pelo delito de lavagem de dinheiro. A informação sobre a condenação de Rezende foi divulgada pelo O Informante.

Segundo a denúncia do Ministério Público Federal que originou a condenação, Stênio Rezende inseriu na sua declaração anual de Imposto de Renda dados falsos de duas servidoras comissionadas e lotadas em seu gabinete na Assembleia Legislativa do Maranhão. A ação aconteceu sem o conhecimento das funcionárias e teve como objetivo, segundo o MPF, desviar, de forma dolosa, os vencimentos das mesmas.

Tão logo tomou conhecimento da sentença, o deputado recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF), segundo revelou o Atual7, visando reverter o entendimento do TRF.

Seu pedido foi indeferido pelo ministro Marco Aurélio de Melo.

Stênio Rezende continuará respondendo ao processo no cargo, uma vez que ainda cabe recurso.

Mas sua situação é muito delicada, o que já fez com que o primeiro suplente da sua coligação, Camilo Figueiredo (PR), começasse a preparar um novo terno lá pelos lados do município de Codó.

É aguardar e conferir.

Uma ideia sobre “A difícil situação de Stênio Rezende

  1. Pingback: Stênio Rezende é beneficiado com decisão do STF - Blog do Gláucio EriceiraBlog do Gláucio Ericeira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *